4 maneiras de reduzir os custos operacionais da sua empresa

4Invest

A redução de custos é uma preocupação constante para o empresário e para quem estiver a frente do setor financeiro de uma empresa. O ideal para toda organização é que se consiga aumentar a margem de lucro e isso acontece de duas maneiras: aumentar os preços ou reduzir os custos.

 

Vivemos em uma economia competitiva, portanto, ter o menor preço do mercado costuma atrair mais clientes. Porém, aumentar o valor da mercadoria não é o recomendado. Assim, investir na redução de custos é a melhor saída. Por isso, a 4Invest elencou os custos operacionais que mais pesam no orçamento e dicas de como reduzi-los.

 

1 Organize o setor financeiro

O passo mais importante para reduzir os custos operacionais é ter um diagnóstico da sua área financeira. Antes de tomar qualquer decisão, você precisa entender a sua situação econômica e saber exatamente com o que e como a empresa está gastando. Então, invista em organização, seja por planilhas ou softwares de gestão, e você já verá diferença.

 

Organizar os processos do setor e as despesas com custos operacionais são a maneira mais eficiente de otimizar o tempo dos seus colaboradores e o dinheiro da sua empresa. Um departamento financeiro bagunçado é sempre um atraso no crescimento da organização e, também, uma fonte para gargalos de lucratividade.

 

Leia tambémComo organizar as finanças da sua empresa em 3 passos

 

2 Negocie prazos e condições de pagamento

Quem já esteve, ou está, a frente do setor financeiro sabe que não existe maneira de cortar os gastos que temos com fornecedores. É deles que a sua empresa extrai matéria-prima para produção e alguns dos principais serviços. Então, encontrar fornecedores com o melhor custo-benefício e negociar prazos e condições de pagamento ajuda na otimização de recursos.

 

Para isso, é importante ter em mãos todas as variáveis da sua empresa nessa negociação. Estude o seu fluxo de caixa para saber se terá condições de fazer um pagamento à vista para garantir um desconto, se precisará pedir mais volumes para reduzir os custos individuais e qual seria o prazo ideal para pagamento. Além disso, lembre-se sempre de manter a calma e a racionalidade durante a negociação para garantir sucesso.

 

3 Avalie terceirizar processos

Terceirizar serviços significa que a sua empresa contratará outra empresa para oferecer serviços que não fazem parte do core business do seu negócio. Por exemplo, se você tem uma fábrica de artigos para decoração, poderia terceirizar a limpeza, segurança, logística ou o marketing.

 

Devido à carga tributária brasileira, a contratação de uma equipe de profissionais acaba pesando no orçamento. Então, se você quer reduzir os custos, terceirizar processos pode ser uma alternativa. Claro que uma decisão como essa precisa ser muito bem avaliada.

 

Por isso, analise os seus gastos mensais e estime o balanço dos meses seguintes.  Lembre-se de colocar qualquer decisão na ponta do lápis para garantir que está fazendo a escolha certa.

 

4 Estude trocar seu regime tributário

O regime tributário de uma empresa representa a categoria fiscal em que ela se encontra. Essa categoria interfere no pagamento de impostos e depende da faixa de ganhos anuais. Existem diversas categorias em que o seu negócio pode se encaixar. Apesar de não parecer possível, você pode transitar entre elas de acordo com algumas variáveis.

 

Isso significa que sua empresa pode estar encaixada em uma categoria quando deveria estar em outra. Digamos que você tem um lucro anual de até 3,6 milhões de reais e está encaixado no regime de Lucro Real. Nesse caso, você sabia que poderia optar pelo Simples e reduzir os custos com impostos?

 

Gostou das dicas? Então, continue acompanhando a 4Invest e, caso queira saber como organizar o seu setor financeiro em 3 passos simples, leia este artigo.

NENHUM COMENTÁRIO

Deixe uma resposta